Teobaldo morto, Romeu exilado

Dir: Rodrigo de Oliveira
118' . Digital . 2014 . ES

Sinopse

João é um músico de 32 anos que opta pelo isolamento numa propriedade no interior do Brasil após Flora, sua mulher grávida, romper com ele. Depois de três meses, quando finalmente parece estar pronto para reparar seus erros junto a Flora e acompanhar o parto de seu filho, João é surpreendido pela misteriosa visita de Max, seu melhor amigo, há muitos anos desaparecido e dado como morto.

Classificação 16 anos

Rodrigo de Oliveira

Nasceu em 1985 em Volta Redonda, Brasil. É crítico, roteirista, cineasta formado pela Universidade Federal Fluminense e redator da Revista Cinética. Em 2010 Rodrigo organizou o livro  Diário de Sintra – Ensaios  sobre  o  filme  de  Paula  Gaitán. É corroteirista de Exilados do vulcão, de Paula Gaitán. É diretor de As horas vulgares (2012).

 

Ficha técnica

Companhia produtora: Pique-Bandeira Filmes, Galpão Produções
Produção executiva: Vitor Graize
Roteiro: Rodrigo de Oliveira
Fotografia: Lucas Barbi
Som: Pedro Diógenes, Hugo Reis
Direção de arte: Manuela Curtiss
Montagem: Luiz Pretti
Com: Alexandre Cioletti, Rômulo Braga, Sara Antunes, Margareth Galvão, Erik Martíncues

Festivais e Prêmios

  • Mostra de Cinema de Tiradentes 2015

CONTATO
(27) 99293-8085
piquebandeirafilmes@gmail.com